Audiência Pública para debater a tentativa de transformar as Forças Armadas em partido político

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Foi analisado hoje (11/05) na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional requerimento do deputado federal Paulo Ramos (PDT/RJ) para a realização de audiência pública para debater a tentativa de transformar as Forças Armadas em partido político de fato e a consequente ameaça ao Estado Democrático de Direito. Para o parlamentar, estamos diante de um momento histórico em que a democracia, arduamente conquistada a partir da Constituição de 1988, está sendo ameaçada. “Em decorrência de sua origem profissional, o Chefe do Poder Executivo mobilizou quadros das Forças Armadas para a ocupação de cargos Ministeriais, além de ter aparelhado órgãos públicos em profusão também com militares, são mais de oito mil militares distribuídos”.

Além disso, Paulo Ramos alerta que as correntes políticas que dão sustentação ao governo não escondem seus propósitos anti-democráticos, inclusive com manifestações públicas e nas redes sociais, ameaçando fechar o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal. “A apologia à ditadura militar é motivo de orgulho e inspiração para parcela expressiva do alto comando das Forças Armadas e de seus comandados. A chamada Ordem do Dia de 31 de março e os acontecimentos diários não deixam dúvidas de que estamos diante de conspirações golpistas, que poderão ser efetivadas antes ou depois das eleições de outubro”, avalia Paulo Ramos.

Serão convidados:

  1. Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, Ministro de Estado da Defesa;
  2. Carlos Alberto Franco França, Ministro das Relações Exteriores;
  3. Ayres de Britto, Ex-Ministro do Supremo Tribunal Federal.
  4. Presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado Federal, Senadora Kátia Abreu;
  5. Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Dr. Beto Simonetti;
  6. Presidente do Clube Militar do Rio de Janeiro, Gen Div Eduardo José Barbosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Endereço do Gabinete em Brasília
Endereço do Escritório no Rio de Janeiro